Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Bats on the East Tower

Criei este blog com posts com um tema em comum: estilo alternativo. Se tiverem alguma sugestão/pedido, não hesitem em deixar um comentário. Blog escrito no antigo acordo.

Bats on the East Tower

Criei este blog com posts com um tema em comum: estilo alternativo. Se tiverem alguma sugestão/pedido, não hesitem em deixar um comentário. Blog escrito no antigo acordo.

A minha opinião: Dont Judge Me Challenge

 

Howdy little creatures!

 

Bem, o post de hoje é um pouco diferente do habitual, já que não tem nada a ver com o (grande) mundo do estilo alternativo, subculturas e etc per se. Hoje venho convidar-vos a reflectir sobre o "Don't Judge Me Challange".

 

Se calhar vocês já ouviram falar nisso mas, para quem ainda não ouviu, aqui vai um vídeo de exemplo:

 

 

Ora bem, depois de verem este vídeo podem dizer "mas qual é o mal? Elas só estão a demonstrar que por baixo de borbulhas, óculos e etc, as pessoas são lindas!". Poiiiisss...not really. 

 

Vamos por as coisas por partes:

 

1º Este género de vídeos só serve para uniformizar padrões sociais de beleza e aumentar egos:

 

Pensem bem: o que estes vídeos dizem às pessoas com pontos negros, borbulhas, óculos, cabelos descontrolados, etc? Que não são bonitas. Que devem ser todas assim como as pessoas dos vídeos. E que quem não é assim se deve esforçar para ser. Mas coisas como borbulhas e pontos negros não desaparecem com um simples toalhete. 

 

O que é que acontece? Quem os faz fica com o ego aumentado. Quem os vê fica super embaixo porque acha que nunca será bonito. Little creatures, TODA a gente é bonita! Foi a sociedade que transformou todas essas coisas em defeitos! E dou-vos um exemplo bem rápido, referente à gordura corporal:

 

 

Grécia Antiga, Renascença Italiana, Inglaterra Vitoriana e Épocas douradas de Hollywood, : 

Corpos curvilíneos. 

 

2015

Quanto mais magra melhor!

 

Todos nós sabemos que excesso de gordura traz complicações para a saúde. Mas há pessoas que devido a outros problemas (seja de saúde, hormonais, nervosos, etc) NÃO conseguem perder peso. E porque hão-de essas pessoas sentirem-se feias e inferiores? Para que outros se sintam superiores e tenham o ego inflado que nem um balão? Isto não é apenas uma questão de saúde. É também uma questão de estética e cultural. Isto porque, por exemplo, na Antiga Grécia aqueles corpos eram valorizados porque, em parte, significava que a pessoa vivia bem (lógica: vives bem, comes, engordas). Mas, de repente, esses corpos deixaram de ser bonitos e a gordura corporal (uma das coisas mais normais de sempre e que salvou a espécie humana ao longo dos tempos, se pensarem bem) passou a ser vista como abominável.

 

 

2ºO que as pessoas estão a fazer aqui é basicamente desenhar coisas na cara que OUTRAS pessoas têm e que provavelmente lutam para deixar de ter:

 

Como se sentiriam vocês se tivessem borbulhas, pontos negros e coisas do género e de repente vissem alguém a pintar coisas dessas na cara para de repente por a mão à frente da câmara e tcharam!, foram-se? Minha gente, aqueles vídeos são vistos por milhares de pessoas, inclusive adolescentes. Caso se esqueçam:

 

AdolescênciaFase da vida humana entre a infância e a idade adulta, aproximadamente entre os 12 e os 18 anos, que se caracteriza por mudanças físicas e psicológicas que ocorrem desde a puberdade até ao completo desenvolvimento do organismo (ex.: passou parte da adolescência no estrangeiro). (definição retirada do dicionário online Priberam)


Na adolescência, as pessoas são mais propícias a quererem "encaixar-se" (seja em grupos, padrões sociais, etc). E quantas das vezes elas tentam e sentem que não conseguem porque têm borbulhas, óculos, espinhas e por ai vai? O que é que estes vídeos acabam por fazer? "Confirmar" a essas pessoas que têm razão, que a culpa é das borbulhas!

 

Inclusive há CRIANÇAS a fazer este "desafio". O que é que isso ensina às futuras gerações?

 

 

3º É mais um motivo para bullying:

 

Quem já sofreu bullying sabe que quem o faz pega em QUALQUER coisa. E borbulhas, óculos, espinhas e demais são um grande alvo. Mais uma vez, as pessoas que têm esses "defeitos" vão ver estes vídeos e só conseguem sentir-se inferiores, quando não o são. 

 

 

4º Leva a que estas coisas não sejam tratadas com a normalidade que é devida:

 

Little creatures, todas estas pequenas coisas que a sociedade chama de "imperfeições" são coisas completamente normais. E vocês não tem de se sentirem mal por as terem. Não deixem que isto vos abale, nem se sintam obrigados a "tratar" essas coisas. Se não gostam de se ver com elas, e é melhor para a vossa autoestima que o façam, tudo bem. Agora se vão fazer isso por influência dos outros, quando vocês se sentem bem como estão, pensem duas vezes. E sempre me disseram que as pessoas com peles de tendência oleosa ganham rugas mais tarde!

 

 

Vocês podem achar que eu não tenho moral para falar. Não tenho borbulhas, nem espinhas. E nem me sinto mal com o facto de usar óculos. Ou com o facto de ser gorda demais para a minha estatura (com isso só tenho problemas dependendo dos dias, porque a maior parte do tempo nem ligo). Mas eu já tive a chamada "combinação mortal para arranjar namorado" (a vossa escola tinha essa expressão?): gorda, óculos, aparelho (em ambos os maxilares) e cabelo super volumoso e rebelde. E eu lembro-me bem o que passei. Mas a certa altura apertei um botãozinho muito giro que toda a gente tem escondido no seu cérebro. O botão do fo****. E foi o melhor que fiz.

 

Deixo-vos este vídeo, de alguém que compartilha da mesma opinião que eu, para que vejam:

 

 

Bem little creatures, por hoje é só!

 

Bat Kisses

 

Oriana Bats

 

 

 

 

Halloween Countdown

Mais sobre minha pessoa

foto do autor

Tradutor

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Comunicado

Este blog recolhe casos de preconceito e discriminação contra pessoas que têm diferentes estilos. Se quiseres contar o teu caso, entra em contacto com a autora através dos comentários do blog. Obrigada e Bat Kisses.